03/10/16

Como ser sempre criativo e nunca demitido?


Turn over para profissionais de publicidade, design e marketing, principalmente em agências, é complicado. 

Toda hora rola a dança das cadeiras e mais um infeliz perde seu emprego – ainda mais nesse cenário caótico que é a economia brasileira na atualidade.

Leitura recomendada: Aprenda de uma vez por todas a diferença entre Marketing e Publicidade.

Você fecha o olho e no outro dia já tem outra pessoa com uma camisa xadrez e um óculos preto sentado na sua mesa. 

Mas por que será, né?


Temos trabalhado demais...

Nós, os criativos, estamos presos demais em nossos escritórios, agências, coworkings e home offices. Isso está acabando com a nossa criatividade e é exatamente isso que nos faz perder os nossos empregos e trabalhos.

Criatividade é a nossa matéria prima. E pra trabalhá-la precisamos justamente fazer o contrário do trabalho: nos divertir.

Saiba como usar o seu tempo. 

Ele é a coisa mais democrática que há, porque é exatamente igual pra todo mundo

Encontre horas para ficar sem fazer nada, horas pra ler um livro (que não tenha relação com seu trabalho), ver suas séries, namorar, ver filmes, ler o blog Mkt News. Essas coisas alimentam seus insights

Não mate isso!


Diga não

O principal responsável pra mensurar o quanto de trabalho você aguenta é você. Então saiba dizer ‘não’ quando já estiver cercado de coisas pra fazer. 

Temos uma mania estranha de achar que o happy hour não é importante, mas eles são porque seu corpo precisa liberar outros tipos de energia e não só a mental.

Se você não libera aumenta o seu stress e reduz o seu processo criativo. Resultado: menos produção que é igual a você fora do mercado

Por isso você precisa colocar um limite muitas vezes até na sua própria equipe e ser bem claro quanto ao tempo de entrega das coisas e delegar responsabilidades. Caso o contrário é só trabalho e trabalho. Ninguém é de ferro. Descansar é essencial.

Você está respeitando suas horas de trabalho e fora dele? Como tem alimentado sua criatividade nos últimos meses? Conte para nós.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários: