26/09/16

O que é Colaboração em Massa e como ela está mudando o mercado


Você pode não estar familiarizado com o termo “colaboração em massa”, mas pode ter certeza que você participa ativamente de projetos que envolvem esse conceito.

Estamos em uma Era em que os consumidores estão mais do que nunca envolvidos nos processos de busca de informação no momento de compra.

Algumas empresas, na maioria das vezes as maiores, estão cada vez mais investindo em equipes treinadas para se aproximar dos consumidores através do meio on-line.

É dentro desse turbilhão de influências que surge o termo “colaboração em massa”.


Colaboração em Massa

Milhões de pessoas espalhas pelo mundo utilizam canais digitais como blogs, vídeos, aplicativos e transmissões pessoais para expor sua opinião sobre o mundo. 

Dentro desse contexto, os clientes se tornam “prosumers”, contribuindo na criação de bens em vez de simplesmente consumirem o produto final.

Talvez um dos maiores projetos de colaboração em massa que tenha se popularizado seja a Wikipedia. Perceba que todo conteúdo desta wiki é criado pelos próprios utilizadores, que colaboram entre si para a construção do resultado final.

O Youtube, uma marca que vale bilhões de dólares se sustém por completo nos conteúdos enviados pelos próprios usuários do site. Assim, há uma colaboração em massa para que seja criado um espaço virtual exatamente no formato que os usuários gostam.

A Google não precisa se preocupar em descobrir qual o tipo de conteúdo que as pessoas gostam para poder criar conteúdos para elas. São as próprias pessoas que compartilham, cada vez de forma mais profissional, os conteúdos que mais lhe agradam.

Empresas inteligentes estão estimulando, em vez de combater, o crescimento vertiginoso de enormes comunidades online para impulsionar a colaboração em massa.


No Brasil

No Brasil podemos citar o case da Fiat, o qual criou um conceito de carro 100% baseado nas opiniões, dicas e sugestões de milhares de pessoas que sempre quiseram participar da criação de um carro.

O resultado disso? 

O Mio, um carro conceito que trouxe para a marca diversas ideias de podem ser implantadas em futuros carros da marca.



A Tecnisa é outro case interessante, que inovou ao abrir as portas de seu escritório para seus próprios clientes apresentarem soluções de construções para a empresa, em troca de prêmios em dinheiro.

Outro case interessante muito conhecido é a Camiseteria, site que possibilita que sua própria audiência crie (e divulgue) as estampas criadas. 

Dessa forma, não só o site sai ganhando, tendo diversas estampas de criativas de roupas para vender, mas os próprios usuários acabam podendo divulgar sua arte e gerar uma renda extra com ela.


Somos uma Família!

Linux, Firefox, Reclame Aqui e tantas outros projetos de sucesso são construídos pelos próprios usuários. 

Aos olhos dos empreendedores isso pode ter como ponto mais valioso o fato de economizar milhares de reais em pesquisa de mercado

Porém, a colaboração em massa vai além disso. 

Ela faz com que não somente o produto tenha a cara daqueles que o criam, mas que seja algo em que eles se sintam cada vez mais parte disso.


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários: