05/09/16

66 dias: esse é o tempo que você tem para desenvolver um hábito.


Desenvolver um hábito é realmente um desafio

Aliás, largar um péssimo hábito também. E segundo pesquisadores da londrina University College demoramos cerca de 66 dias para desenvolver um hábito, ou deixar um.

Um dos primeiros passos que damos no desenvolvimento de péssimos hábitos, por exemplo, é estimular nosso cérebro com o famoso “eu mereço” - “Eu mereço dar uma olhada no meu WhatsApp depois de uma hora trabalhando sem parar”.

Depois disso é queda livre.

Você nem se dá conta que o seu hábito já virou cultura - cultura, na origem da sua palavra, significa “cultivo”. Você vai cultivando uma série de comportamentos e em pouco tempo ele já faz parte da sua vida e também se torna um círculo vicioso no seu ambiente profissional, acadêmico, familiar, pessoal… E por aí vai.

A mais perfeita fórmula pra gente conseguir quebrar o ciclo dos maus comportamentos é criar a habilidade de se observar à distância. Sabe, parar e tentar perceber se o que estamos fazendo está nos prejudicando ou está nos aprimorando.

Ter essa alta percepção sobre si mesmo torna muito mais fácil a quebra de um comportamento ruim e precisamos ser críticos de si mesmo para poder ter essa noção. Tal noção é mais do que necessária para quebrar nossos momentos de procrastinação, falta de foco, de resultado e de concentração nas coisas importantes da nossa vida.

A real é que quando damos atenção demais ao que sentimos fazemos besteira. 

Parece clichê, mas precisamos ter equilíbrio entre a razão e a emoção. Devemos fazer o que é certo não o que sentimos. Esquecemos que nossos sentimentos nos enganam o tempo todo e dar valor demais a eles nos fazem criar péssimos hábitos.

Mas não se desespere. Procure identificar um hábito ruim de cada vez e trabalhe nele com calma. Com foco e determinação você vai conseguir ser cada vez mais produtivo desenvolverá bons comportamentos.

Boa sorte!


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários: