02/08/16

Branded Content: Você sabe o que é isso?




Não há dúvidas sobre o poder de um relacionamento bem estruturado entre uma marca e seus públicos-alvo

Quanto mais estes públicos se identificarem e interagirem com suas ideias e valores, maiores as chances de se estabelecerem vínculos duradouros.

As estratégias para criar esses vínculos são muitas, mas cada vez mais marcas têm utilizado o branded content para se aproximar dos seus públicos e se diferenciar por meio de conteúdo.

A ideia é diminuir as interrupções com anúncios e mensagens forçadas para oferecer conteúdos relevantes e relacionados ao negócio para despertar a atenção e o engajamento dos públicos-alvo – que podem consumi-los no momento em que julgarem mais conveniente.

Leitura Recomendada: A importância do posicionamento de conteúdo no marketing digital

Isso tem feito grande diferença, principalmente no ambiente digital. 

Ficar somente repetindo por aí o quanto sua marca é descolada e confiável está fora de moda. Aliás, essa estratégia pode inclusive gerar um sentimento de repulsa devido às mensagens genéricas e massivas!

O branded content viabiliza a apresentação e disseminação de valores, qualidades e atitudes da marca de forma mais sutil que uma abordagem de venda direta e agressiva. 


Storytelling e o poder de uma boa história

As pessoas cada vez mais querem compartilhar suas experiências, interagir, cocriar e sentir que estão sendo notadas. 

Há um anseio por um relacionamento próximo e humano também com as empresas, por isso é preciso que as marcas ajam e interajam quase como se fossem pessoas. 

O psicólogo Jerome Bruner, um pioneiro no estudo de psicologia cognitiva, certa vez apontou que um fato tem 20 vezes mais chance de ser lembrado se estiver ancorado em uma história. 

Sabendo disso, o storytelling passa a ganhar ainda mais notoriedade: as marcas precisam ser capazes de contar histórias envolventes para serem lembradas

Se você quiser entender mais sobre o conceito de Storytelling, aconselho ler esse post: Storytelling: conceito que busca encantar o consumidor pela história da marca ou produto.

A competição por atenção é grande, então o desafio é entreter, informar, motivar, emocionar, enfim, gerar identificação, além de se promover – só que indiretamente.

Muitas marcas já fazem isso muito bem e estão conquistando simpatia e boa vontade dos públicos-alvo, além de engajamento.


Cases de Sucesso

Uma iniciativa da Nissan buscou recrutar candidatos para conduzir a Tocha Olímpica ou Paraolímpica na Rio 2016. Por meio do site Quem se Atreve, era possível inscrever histórias "atrevidas" no Projeto Rota da Tocha. 

Equipes também rodaram o Brasil em carros da marca para encontrar "atrevidos" que se superam, inspiram e inovam em seu dia a dia. Os escolhidos poderiam conduzir a tocha durante o revezamento oficial. 

Conheça uma das histórias coletadas:



A Dove, por sua vez, é outra marca que vem se diferenciando há anos por meio de conteúdo ligado à beleza autêntica

Ao mostrar que qualquer beleza é válida, a marca gera uma identificação muito grande em um mercado caracterizado por estereótipos. 

Os vídeos motivam e buscam empoderar:



Não começou ainda? 

Inspire-se com os cases acima, pesquise sobre seus públicos-alvo e pense em como explorar o universo da sua marca por meio de conteúdo.

Quanto mais clara for sua proposta de valor, mais fácil será o processo de criação de conteúdo. Então, trace um plano de ação com mensagens-chave, faça testes e colete percepções.

Com empenho e análise, os resultados virão.

* Conheça também outros cases de interação por meio de mídias sociais.


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários: