01/07/14

Google decreta a morte do Orkut


Google anunciou hoje que irá aposentar a rede social Orkut. Em um texto no blog do Orkut, Paulo Golgher, diretor de engenharia do Google, anunciou o adeus à rede.

“Dez anos atrás, o Google mergulhou pela primeira vez nas redes sociais por meio do Orkut, que nasceu como projeto experimental de um engenheiro que deu nome à rede”, escreveu Golgher.

O Orkut foi uma das redes sociais com maior sucesso do Google. Depois dele, a empresa teve dificuldades em criar uma rede de sucesso. Entre elas passaram o Google Buzz, que já foi descontinuado, e o Google+, que sofreu mudanças radicais recentemente.

O texto afirma que a empresa opta por descontinuar o Orkut e focar em outras comunidades sociais, como o YouTube, o Blogger e a já citada Google+. A data de morte que constará no túmulo será 30 de setembro de 2014, o último dia com o Orkut no ar.

A partir de hoje será impossível criar um novo perfil na rede social. Aqueles que já têm um perfil e querem extrair todas as suas informações podem usar a ferramenta Google Takeout, que já está no ar e funcionará até 30 de setembro de 2016, até lá os usuários poderão usar a conta normalmente. Poderão também, como sugere a empresa, exportar álbuns de fotos para o Google+, além de salvar o perfil, scraps, depoimentos e posts de comunidades usando a ferramenta Google Takeout.

O aplicativo da rede social não poderá mais ser baixado das lojas Google Play ou Itunes depois de 30 de junho. Para quem já tem o app instalado, ele deixará de funcionar também até dia 30 de setembro deste ano.

Depois do fechamento definitivo do Orkut, não será mais possível entrar no Orkut, exportar fotos, jogar games ou utilizar aplicativos. As comunidades públicas serão preservadas em um “arquivo de comunidades” aberto ai público. Este arquivo, porém, será apenas para visualização e não aceitará novos tópicos, comentários ou enquetes.

O Orkut conheceu níveis de popularidade enormes no Brasil na década passada, chegando a 40 milhões de usuários. Foi a primeira experiência de rede social de muitos brasileiros. Continuava ativa apenas por aqui, totalizando em 2013 cerca de 6 milhões de usuários, o que fazia dela a quinta rede social do País.

 “Foram 10 anos inesquecíveis. Pedimos desculpas para aqueles que ainda utilizam o Orkut regularmente”, finaliza Golgher.

E vocês, o que acham? Sentirão falta dos populares “depoimentos” e “scraps”? #RIPOrkut


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários: