05/08/13

Uma dose de música


Sua pele anda um pouco ressecada? Então o melhor remédio é a “As Quatro Estações – Primavera”, de Vivaldi... Gripe? É só consumir uma dose da “Sinfonia nº 1”, de Brahms, pela manhã... Mas para abrir o apetite não há nada melhor do que as notas vibrantes de “O Barbeiro de Sevilha”, de Rossini!

Já imaginou se essas fossem as indicações para o seu tratamento? Bem, se você mora em Tóquio pode até ser que isso aconteça.

Tudo começou quando a Orquestra Filarmônica do Japão resolveu despertar o interesse do público pela música clássica. Porém, ao invés de uma campanha simples (e “batida”), a agência I&S BBDO de Tóquio resolveu unir o útil ou agradável, ou seja: apelar para os poderes terapêuticos da música e chamar a atenção dos espectadores em uma só tacada.

Como? Distribuindo uma espécie de “pílula musical” junto com os remédios nas farmácias, de acordo com os sintomas das pessoas! Dentro do envelope, um micro SD remetia o adoentado para uma biblioteca de trilhas ideais para ajudar na cura daquela doença.



Foram elaborados mais de 20 “comprimidos” e a iniciativa deu bastante o que falar – não só no país, mas no mundo!

Sem dúvida, uma ação bastante original e criativa, que merece servir de inspiração!



← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários: